Arquitetura Corporativa: Áreas de Convivência

Nestes já muitos anos dedicados à arquitetura corporativa, vivemos a transformação radical do pensar um escritório. Uma das últimas perguntas que nos fazíamos, no passado, era onde colocar a máquina de café e o bebedouro. Geralmente, eram colocadas em apertadas copas existentes, sem espaço para receber um visitante. Os funcionários tinham que pedir desculpas pelo sabor vencido do café que podiam oferecer. Esses espaços foram se transformando ao longo dos anos, passando de pequenas copas a lounges mais amplos.

Projeto Duomo Global Santa Fé 2007
Projeto Duomo Statoil 2010
Projeto Duomo Statoil 2012
Projeto Duomo total 2014

Em um mundo globalizado e com mercados cada vez mais competitivos, as empresas começaram a buscar melhores resultados, constatando a importância da qualidade de vida dos funcionários nas suas ações. Mais ainda, tornou-se indispensável fortalecer os laços entre a empresa e seus funcionários.

Como promover a interação, a socialização, a troca de experiências e informações, a colaboração entre equipes? Tornou-se indispensável criar um espaço físico para propiciar essa troca. Áreas de convivência, bem planejadas, são um grande auxílio para o aumento da produtividade dos funcionários. Em grandes escritórios, facilitam que colaboradores se conheçam, mesmo trabalhando em áreas cujas tarefas cotidianas não exigem interação.

Deve-se dar preferência a espaços abertos, centrais e de fácil visualização. Ambientes mais acolhedores, equipados com mobiliário despojado, onde referências ao business da empresa podem e devem estar presentes. Um painel fotográfico, a identidade visual da empresa e a máquina de café cada dia mais sofisticada.

Projeto Duomo Aker 2013
Projeto Duomo Technip 2015/2016
Projeto Duomo Technip 2015/2016
Projeto Duomo Technip 2015/2016

As áreas de convivência também funcionam como uma válvula de escape para os funcionários fazerem uma pausa para descansar, se distrair e se sociabilizar com os colegas. Além de um trabalho mais eficiente, a empresa também ganha uma equipe mais integrada e fortalecida.

Quanto maior a interação entre os colaboradores, independente do conteúdo das conversas, a produtividade cresce. Basta observarmos o sucesso atual dos espaços de coworking, que propiciam fluxo de troca de idéias e experiências entre profissionais nem sempre da mesma área de atuação.

Em 2016 visitamos a Orgatec, em Colônia e são muitas as idéias de mobiliário colaborativo para nos inspirarmos nos próximos projetos de áreas de convivência.

009
 
010-11
 
012
 
013
 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *